Terapia de Casal - Mediação de conflito

Quem recorre à terapia de casal fá-lo porque sente  necessidade de ultrapassar conflitos, problemas de convivência, desgaste decorrente do relacionamento. Quando as diferenças de opinião são demasiado acentuadas e o conflito e a convivência saudável ficam comprometidas. Decorre a sensação que já não é possível resolver por si mesmos, surge o receio de perder aquela relação que foi tão prazerosa e o desejo de retomar uma conversa construtiva. O (a) terapeuta de casal é um "mediador" a quem se pode recorrer para amenizar uma possível comunicação acusatória, destrutiva e para perceber se a relação.

Numa terapia de casal, a interação com o terapeuta, permite criar uma dinâmica capaz de facilitar o diálogo e descobrir os reais motivos que levam ao conflito e à deterioração gradativa do casamento, especialmente quando um deles não acompanha a mudança e o crescimento emocional do outro. E assim encontrar-se soluções que levem a um aproximar e reencontro entre ambos. Tornando-se assim essencial procurar auxílio técnico atempadamente, pois poderá vir a ser o último recurso para salvar a relação e, até mesmo, evitar um divórcio. Noutros casos em que já não é possível evitar a ruptura, surge a necessidade de facilitar um desenlace melhor que possibilite uma comunicação eficaz, especialmente quando existem filhos.

Dr. Adérito Cavaco, cédula n.º 2270